A relutância em começar é o que nos faz ficar estagnada e fracassar.

Encontramos diversas formas de procrastinar a vida com medo do fracasso. Fazemos diversos cursos, lemos diversos livros, inventamos milhares de tarefas para preencher o tempo e assim nos distanciamos cada vez mais de começar algo novo em nossas vidas.

Ah esse medo de não ser amada, de não ser perfeita – de ser vulnerável!

O medo está arraigado em você porque você o alimenta. Pare de arranjar desculpas para o que é injustificável. Aquele “e se”, “ah não” e “será” são palavrinhas que você constantemente colocou em seu vocabulário da procrastinação.

O negativo tem sempre uma grande importância, por isso é capaz de relegar para um segundo plano todo o bem que já conquistou.

Admitir que existem coisas que você não sabe. Permitir-se pedir ajuda para executar uma tarefa. Respirar e se dar um tempo para encontrar um caminho ativo de resolução – são atitudes de quem tem uma personalidade bem formada e sabe que aprende com suas vulnerabilidades.

Lembre-se de que é o dia de hoje que importa. O hoje marca o que vai acontecer depois. Essa zona de conforto, esses medos, essas dúvidas, toda essa vergonha não lhe servirá de nada se amanhã for apenas mais um dia da sua vida que ficou para trás.

Quem é que não gosta de acordar de manhã com cheirinho de um bom café?

Um café quente pela logo cedo é sempre a promessa de um novo dia formidável que pode acontecer.

Dica: A xícara de café mais perfeita é aquela que é saboreada na serenidade, em companhia da própria Alma.

Tamaris Fontanella

Contato: [email protected]

Site: www.despertarfeminino.com.br

Facebook: www.facebook.com/facedespertarfeminino

Instagram: @igdespertarfeminino/

Leia também